Avaliação do Tópico:
  • 0 voto(s) - 0 Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Fallout Tactics
#1
[Imagem: 34ralph.jpg]

O jogo já não é propriamente recente, mas como nunca tinha chegado a ver o fim acabei por voltar a jogá-lo e finalmente ganhá-lo durante esta semana. Foram 20 missões de muita matança, que fizeram com que durante a semana eu fosse para a cama ainda a pensar em trocas de balázios.

Lembro-me que o Khorazyn na altura tinha ganho isto no modo "tough guy", em que não dava para gravar durante as missões, mas acho que isso é de loucos. Num jogo em que às vezes basta pisar uma mina ou levar com uma rajada de minigun à queimar-roupa para morrer, isso parece-me mais masoquismo do que gostar de desafios. Já viram o que é pisar uma mina que nem sequer se sabia que lá estava e por causa disso ter de passar mais de uma hora para voltar a chegar a esse ponto? É insano!

Tal como o Khorazyn joguei só com um boneco (o máximo é seis), que assim o jogo fica muito mais rápido. Além disso só um dos bonecos é que pode ser criado, os restantes têm de ser personagens já feitos. Assim sendo criei um Barracuda, que a bem dizer acabou por ganhar a guerra toda praticamente sozinho. Os vadios da Brotherhood of Steel queixavam-se de inimigos que sozinhos massacravam batalhões inteiros, e eu depois matava desses palermas às dezenas.

Nas primeiras missões começamos por lutar contra uns reles pilha-galinhas, mas claro está que não tive pena deles. Aqui fica uma imagem do jogo comigo em acção:

[Imagem: fot1o.jpg]

Lá para a frente enfrentamos inimigos bem mais perigosos, como super-mutantes e robots. Nessa altura já não se pode estar com brincadeiras, é preciso eliminar os cães como se fossem o Carlos Queiroz. E foi isso mesmo que eu fiz, conforme podem ver pela imagem:

[Imagem: fot2n.jpg]

Para terminar, alguns pontos positivos e negativos do jogo:

Positivos
  • Muita peleja
  • História interessante
  • R. Lee Ermey (sargento do "Nascido para Matar") faz a voz do general principal

Negativos
  • Inteligência do computador a roçar o nulo
  • Combate final muito anti-climático
  • As últimas missões são contra robots... e qual é a piada de matar robots?
[Imagem: indiaslb1mj1o.gif]
Responder
#2
(09-07-2010, 14:15)Rufferto Escreveu: [Imagem: 34ralph.jpg]

Negativos
  • As últimas missões são contra robots... e qual é a piada de matar robots?
Os robots não se matam... destroem-se.
Responder
#3
(09-07-2010, 16:25)Susana Escreveu: Os robots não se matam... destroem-se.

Não neste jogo. Aqui até se pode deixar os robots inconscientes.
[Imagem: indiaslb1mj1o.gif]
Responder
#4
Agora ando a jogar o Fallout 3.

É excelente
If you don't stand for something, you'll fall for anything
Responder
#5
(09-07-2010, 16:34)Klawfive Escreveu: Agora ando a jogar o Fallout 3.

É excelente

Concordo; tenho-o na 360.

Deve estar quase a sair o Fallout: New Vegas. Não é uma expansão, é um jogo completo. Usa o engine do 3 (um pouco melhorado), mas é da Obsidian, que inclui a maioria dos que trabalharam no Fallout 2.
"Being based on history, the stages of the game will also be based on battles which actually took place in ancient Japan. So here's this giant enemy crab..."
Responder
#6
Quando o acabar, se calhar até experimento os primeiros... Até há a trilogia à venda (Fallout 1, 2 e Tactics) baratinha

Para além disso, o Fallout 3, Game of the Year edition (com as 5 expansões) está a 15 euros para as consolas...
If you don't stand for something, you'll fall for anything
Responder
#7
O problema é que os fallouts mais antigos, já são antigos de mais. Pelo menos a mim, já não acho piada nenhuma jogar aquilo.

O 3 ouvi dizer que estava muito bom sim, tenho de o experimentar um dia destes
[Imagem: n3taar.gif]
Responder
#8
O Borderlands é do mesmo estilo, não? Que acham dele?
De todos os fóruns que conheço, este é um deles.
Responder
#9
Tenho a ideia de que o Borderlands é num setting parecido (pós-apocalíptico, se bem que não sei se tem as milhentas referências aos anos 30-50 dos Fallouts), mas acho que o tipo de jogo é bastante diferente... mas posso estar errado.
"Being based on history, the stages of the game will also be based on battles which actually took place in ancient Japan. So here's this giant enemy crab..."
Responder
#10
(09-07-2010, 18:36)Kronopt Escreveu: O problema é que os fallouts mais antigos, já são antigos de mais. Pelo menos a mim, já não acho piada nenhuma jogar aquilo.

Hoje em dia o Fallout 2 está realmente fraquinho em termos de gráficos e interface, mas continua a ter das melhores introduções de sempre:

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=e3PXiV95kwA[/youtube]

A música chama-se "A Kiss to Build a Dream On", e mesmo quem não a conheça reconhecerá imediatamente que é cantada pelo grande Louis Armstrong.

Já o Fallout Tactics ainda se joga bem mesmo em 2010. É evidente que os gráficos não vão impressionar ninguém, e a inteligência artificial do computador menos ainda, mas continua a ser um jogo emocionante. Só tive pena que não desse para recomeçar o jogo com o personagem com que o ganhámos, que teria piada andar de power armour e minigun a tratar dos pilha-galinhas do início.
[Imagem: indiaslb1mj1o.gif]
Responder
#11
Este tipo de música e estas animações a imitar anos 60/70 fazem-me sempre lembrar Bioshock :p
[Imagem: n3taar.gif]
Responder
#12
Os Bioshocks também são jogos brilhantes, por acaso, se bem que o tema é um pouco diferente. O 1 é "Objectivism gone wrong", enquanto o 2 é o contrário (não, não é "gone right", é o contrário do Objectivismo Smile).

As intros dos Fallouts 1 e 3, ambas com os The Ink Spots, também são bem boas, já agora.

Já agora, trailer do New Vegas:

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=M5suSFc_24Q[/youtube]
"Being based on history, the stages of the game will also be based on battles which actually took place in ancient Japan. So here's this giant enemy crab..."
Responder
#13
Pronto, é desta que vou acabar o Bioshock Biggrin
Depois de ver esses vídeos, não quero outra coisa :p
[Imagem: n3taar.gif]
Responder


Saltar Fórum:


Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)